quinta-feira, 26 de dezembro de 2013

SALVE GRANDE RUY BARBOSA!

Todo brasileiro que um dia já leu alguma coisa, que passou pela escola, ainda que seja do falido sistema público de ensino, já deve ter ouvido falar de Ruy Barbosa, o “mestre das línguas e das leis”. Esta semana, ao ver no Facebook esta célebre frase, resolvi compartilhar. Pouquíssimas pessoas curtiram ou compartilharam, mas há que se louvar que tal atitude adveio de amigos que estão entre os mais inteligentes e independentes da minha rede de relacionamentos, tanto virtuais quanto pessoais. Vale a pena compartilhar a frase aqui também, de preferência em destaque: “Há tantos burros mandando em homens de inteligência, que às vezes fico pensando, se a BURRICE não será uma CIÊNCIA.” Aí, para comentar esta frase, bem aplicável a nossa linda, maravilhosa, encantadora e aconchegante Sete Lagoas em praticamente todos setores, especialmente na política, recorro-me a uma mensagem que recebi de um amigo, via e-mail: Navegavam há meses e os marujos não tomavam banho nem trocavam de roupa. Isso não era novidade na Marinha Mercante Britânica, mas o navio fedia! O Capitão chama o Imediato: - Mr. Simpson, o navio fede, mande os homens trocarem de roupa! Parte para reunir os seus homens e diz: - Marujos, o Capitão está se queixando do fedor a bordo e manda todos trocarem de roupa. David, troque a camisa com John, John troque a sua com Peter, Peter troque a sua com Alfred, Alfred troque a sua com Jonathan ... e assim prosseguiu. Quando todos tinham feito as devidas trocas, volta ao Capitão e diz: - Sir, todos já trocaram de roupa. O Capitão, visivelmente aliviado, manda então prosseguir a viagem...” É mais ou menos isso que acontece na política brasileira, com grande destaque para a nossa terra. Mudam de roupa, mas elas continuam no contexto. E continuam fedidas. E tudo continua fedido. E o comandante continua fedido também, e finge que agora tudo está bem. Sabe qual a má notícia? Vai continuar assim, pois os eleitores analfabetos são maioria. Viva o Brasil, viva Minas Gerais. E, claro, viva a nossa boa, mau caráter e desavergonhada Pindaíba do Norte!

sábado, 16 de novembro de 2013


Revisão de Valores. Isso é urgente!

“Quando você perceber que, para produzir, precisa obter a autorização de quem não produz nada; quando comprovar que o dinheiro flui para quem negocia não com bens, mas com favores; quando perceber que muitos ficam ricos pelo suborno e por influência, mais que pelo trabalho, e que as leis não nos protegem deles, mas, pelo contrário, são eles questão protegidos de você; quando perceber que a corrupção é recompensada, e a honestidade se converte em auto sacrifício; então poderá afirmar, sem temor de errar, que a sua sociedade está condenada”.
Embora esta frase já seja por demais famosa, esta semana, uma fiel leitora que prefere não ser identificada, no auge de suas décadas de serviços prestados à Educação, nos trouxe esta lembrança. Esta obra de arte é, na verdade, do ano de 1920, de autoria da filósofa russo-americana Ayn Rand. Fugitiva da revolução russa, a judia chegou aos Estados Unidos em 1920 e, ao escrever a frase acima, jamais pensava em pleno terceiro milênio estaria tão atualizada.
Nem precisa ir ao Governo Federal, até porque não gosto de me referir ao Governo Federal quando o assunto é lição de moral. Por quê? O governo é bom? Sou partidário do governo?
Nada disso interessa. A questão é que, dentro da minha idiotice de menino que veio da zona rural já adolescente, percebo que todas as mazelas que se percebem em Brasília existiam no Rio até a nova capital ser construída. E continuaram existindo por lá nos governos militares, nos tempos de José Sarney, de Itamar, de Fernando Collor, de Fernando Henrique e de Lula.
Se sempre existiam, por que só agora, determinada classe social começa a se espantar com tantos desmandos no governo?
Simples: agora, quem vive apregoando que ocorreu isso ou aquilo é porque não leva vantagem, como ocorria no passado. A verdade é que o Brasil é um país que tem vocação para o que é banal, para o que é para alguém levar vantagem em tudo, para aquilo que é bom para mim e nem tanto para os outros.
Como ando meio desiludido com esse pessoal da política de favores, desde o nível municipal até as Nações Unidas, sinto-me à vontade para analisar como entender que se deve. Até porque, sou obrigado a pagar impostos e a me contentar em resolver a vida com aquilo que me cabe, pois não se deve esperar favores de uma classe política a quem não se quer fazer favores. Afinal, é dando que se recebe...
Ao discutir a famosa frase com a Pedagoga e com professor Márzio Henrique, outra cabeça pensante da nossa sociedade, comentei que esta frase deveria ser colocada em algumas prefeituras pelo interior afora. É impressionante como se vai do Oiapoque ao Chuí e se veem sempre as mesmas coisas: pessoas que não entendem nada de nada são aquelas que definem como serão norteados os interesses dos que pagam impostos que garantem os gigantes salários de gente que não serviria para nada, não fosse o cabide político.
Mas, meus caros leitores, é assim que funciona. Se serve de alento, as estatísticas mostram que as pessoas estão se formando mais. Caso estejam também se informando mais, quem sabe poderemos ver uma luz ao fim do túnel. Caso aconteça, que esta luz não seja o trem...

quinta-feira, 14 de novembro de 2013

TEM QUE AGITAR!

PESSOAL: NOSSA CIDADE ANDA MEIO PARADA. CONVIDO, ENTÃO, UM INTERVENTOR, SR. HETEVALDO VILELA, PARA CUIDAR DE ALGUNS ASSUNTOS POLITICO-ADMINISTRATIVOS DO INTERESSE DO NOSSO POVO.

terça-feira, 25 de junho de 2013

Vem pra rua Pindaíba

 Como sempre, apesar dos problemas recorrentes em nossa cidade os norte-pindaibenses não perdem o bom humor. Por isso, separei alguns cartazes das manifestações em Pindaíba do Norte e em cidades próximas.
Tibum!
Grande revolucionária!

Pra onde vão os impostos???

Indireta aos manifestantes de face. Ops!

Não é por R$0,20. Sinceramente, fico imaginando Renato Russo, Cazuza e Chorão lá do alto vendo isso tudo acontecer e se orgulhando...

Até ele já sabe!

Atrasado de novo?

Mentira, todos eles tem carro novo!

Querido senador!


quarta-feira, 19 de junho de 2013

Eu vi

Eu vi, numa segunda-feira à noite, dia monótono para alguns, algo que juraria nunca ver. Não só eu, mas muitos, talvez todo o mundo. Tinha apenas ouvido falar que isso um dia já aconteceu. Alguns disseram que não voltaria a acontecer novamente em uma geração acomodada e inerte. Pois bem, nesse dia, eu vi o que muitos idealizaram, alguns sonharam e milhares fizeram.
Eu vi aqueles que foram chamados de geração coca-cola se exercitarem em marchas nas ruas. Assisti os que muitos consideravam internautas largar seus mouses e ir à caça de ratos nas assembleias do povo. Ouvi brados retumbantes do Hino Nacional muito mais fortes nos versos “Verás que um filho teu não foge à luta [...] Pátria amada Brasil”.
Eu vi não só cem ou duzentos mil em uma cidade, ou milhões no Brasil inteiro, mas, enfim, uma nação. Talvez, contrariamente do que dizem os livros de história, o Brasil tenha conhecido uma verdadeira eleição apenas em 1985, mas tenha adquirido o verdadeiro conceito de nação apenas em 2013. Talvez, após quase 30 anos os estudantes voltaram a ter força em país sem educação (ou melhor, “fair play”).
Mas no Brasil, nada (ainda) é perfeito. No meio das multidões, também vi animais (que me desculpem todos os integrantes da fauna tupiniquim, exceto o homo sapiens) com rostos tampados, spay, pedras e barras nas mãos. Vi bens públicos e particulares destruídos. Assisti guerras urbanas, fumaça, correria, sangue e (pasmem!) vinagre. Vi bandeiras com siglas iniciadas pela corrupta letra P.
Consegui ver também que os ideais do movimento não podem ser descritos pelo parágrafo anterior. Foram ouvidos gritos de “sem partidos“ assim que subiram bandeiras que não eram as do Brasil. Vi uma multidão acuando grupos que jogavam pedras, pichavam e tentavam invadir e quebrar. Vi jovens apagando o fogo e todas as esperanças de que uma baderna geral começasse. Vi flores.
Eu vi homens de preto armados, que recuavam diante da multidão. Mas garanto que os homens de preto e colarinho branco ficaram muito mais amedrontados quando viram sombras nas obras de Niemeyer. Sim, eles viram o espelho d’água tomado e rampas ocupadas. O povo percebeu, enfim, que o país há mais de quinhentos anos é subtraído em tenebrosas transações.

Vi as ruas se tornarem as maiores arquibancadas do Brasil em meio a tantos estádios monumentais. Agora (só) falta vencermos não um político, partido ou governo, mas o sistema em geral, para que daqui a algum tempo, não tenhamos que voltar e lutar pelos mesmos objetivos.

sexta-feira, 31 de maio de 2013

VITAMINA D


Vitamina D

Sobre a vitamina de exposição ao Sol

(Compilado por Mike Adams, com base em uma entrevista com o Dr. Michael Holick, autor do livro “The UV Advantage)

A vitamina D evita a depressão, osteoporose, câncer da próstata, câncer da mama e, até mesmo efeitos do diabetes e obesidade. A vitamina D é talvez o nutriente mais subestimado no mundo da nutrição. Isso é provavelmente porque é “gratuita”: seu corpo a produz quando a luz solar atinge a sua pele. As empresas farmacêuticas não podem lhe vender a luz solar, por isso não há promoção dos seus benefícios à saúde.

A maioria das pessoas não sabe destes fatos verdadeiros sobre a vitamina D:

1. A vitamina D é produzida pela pele em resposta à exposição e radiação ultravioleta da luz solar natural.

2. Os saudáveis raios de luz solar natural que geram a vitamina D em sua pele não atravessam o vidro e, por isto, seu organismo não produz vitamina D quando você esta no carro, escritório ou em sua casa.

3. É quase impossível conseguir quantidades adequadas de vitamina D a partir da dieta. A exposição à luz solar é a única maneira confiável para seu corpo dispor de vitamina D.

4. Seria necessária a ingestão diária de dez copos grandes de leite enriquecido com vitamina D para obter os níveis mínimos necessários de vitamina D.

5. Quanto maior a distância da linha do equador e o lugar onde você vive maior será a exposição ao sol necessária para gerar vitamina D, pois depende do ângulo de incidência dos raios solares. Canadá, Reino Unido, a maior parte dos EUA estão longe do equador e maior parte do Brasil está perto do equador.

6. Pessoas com a pigmentação escura da pele podem precisar de 20-30 vezes mais exposição à luz solar do que pessoas de pele clara para gerar igual quantidade de vitamina D. Por isto, também, o câncer de próstata é muito freqüente entre homens negros - é a simples deficiência generalizada de luz solar.

7. Níveis suficientes de vitamina D são essenciais para a absorção de cálcio nos intestinos. Sem vitamina D suficiente, seu corpo não pode absorver o cálcio, tornando os suplementos de cálcio inúteis.

8. A deficiência crônica de vitamina D não pode ser revertida rapidamente. São necessários meses de suplementação de vitamina D e de exposição à luz solar para “reconstruir” os ossos e o sistema nervoso.

9. Mesmo filtros solares fracos (FPS = 8) bloqueiam em 95% a capacidade do seu corpo de gerar vitamina D. É por isto que o uso constante de protetores solares provoca deficiência crítica de vitamina D.

10. A exposição à luz solar não gera a produção excessiva de vitamina D em seu corpo, porque ele se auto-regula e produz apenas quantidade que necessita. 11. Se a pressão firme do seu osso esterno dói, você pode estar sofrendo de deficiência crônica de vitamina D.

12. A vitamina D é “ativada” pelos rins e fígado, antes de ser usada pelo organismo e, por isto, doenças renais ou hepáticas podem prejudicar muito a ativação da vitamina D circulante.

13. A indústria de protetores solares não quer que você saiba da necessidade de exposição ao sol, porque esta revelação significaria a queda nas vendas de seus produtos.

14. A vitamina D é um poderoso “remédio” que o seu próprio corpo produz inteiramente de graça e sem necessidade de prescrição médica!

15. Algumas substâncias denominadas “antioxidantes” aceleram muito a capacidade do organismo para lidar com luz solar, sem que ela nos provoque danos, também permitem que você fique exposto ao sol duas vezes mais tempo sem danos. Um exemplo de tais antioxidantes é a astaxantina, poderoso “filtro solar interno”. Outras fontes de antioxidantes similares são algumas frutas (açaí, romã, mirtilo, etc.), algumas algas e alguns crustáceos do mar (camarão, “krill”, etc.)

Doenças e condições causadas pela deficiência de vitamina D:

. A osteoporose é geralmente causada por falta de vitamina D que provoca deficiência na absorção de cálcio.

. A deficiência de vitamina D na infância causa o raquitismo, falta de calcificação dos ossos.

. A deficiência de vitamina D pode agravar o diabetes tipo 2 e prejudicar a produção de insulina pelo pâncreas.

. Bebês que recebem a suplementação de vitamina D (2.000 unidades por dia) têm um risco 80% menor de desenvolver diabetes tipo 1 durante os próximos vinte anos.

. A obesidade prejudica a utilização da vitamina D no organismo e obesos precisam de duas vezes mais vitamina D.

. A depressão, a esquizofrenia e os cânceres de próstata, de mama ovário e de cólon são freqüentes em pessoas com deficiência de vitamina D. Portanto, níveis normais de vitamina D previnem estas doenças.

. O risco de desenvolver doenças graves como diabetes e câncer é reduzido de 50% a 80% através da exposição simples, à luz solar natural 2 a 3 vezes por semana.

. A depressão sazonal de inverno, muito comum nos países de clima temperado, é causada por um desequilíbrio da melatonina, devido à menor de exposição ao sol.

. A vitamina D é utilizada no tratamento da psoríase, doença inflamatória crônica da pele.

. Deficiência crônica de vitamina D é muitas vezes diagnosticada erradamente como fibromialgia, porque seus sintomas são muito semelhantes: fraqueza muscular e dores.

Estatística chocante! São deficientes em vitamina D : 40% da população dos EUA, 32% dos médicos e estudantes de medicina, 42% das mulheres afro-americanas em idade fértil, 48% das meninas de 9 a 11 anos, até 60% dos pacientes de hospitais, até 80% dos pacientes do lar de idosos e 76% das mulheres grávidas e 81% das crianças delas nascidas, as quais terão, mais tarde na vida, maior predisposição ao diabete tipo 1, à artrite, à esclerose múltipla e à esquizofrenia.

O que você pode fazer:

A exposição sensível à luz solar natural é a estratégia mais simples, mais fácil e ainda uma das mais importantes para melhorar a saúde. Se mais pessoas lessem estas informações, poderíamos reduzir drasticamente as taxas de várias doenças crônicas. A exposição à luz solar é realmente uma das terapias mais poderosas. Não há nenhuma droga, nenhum procedimento cirúrgico ou de alta tecnologia que chegue sequer perto do surpreendente efeito saudável da luz natural. E o melhor: você pode obtê-lo gratuitamente!!! E o pior: é por isso que quase ninguém o divulga!

Fonte: Compilado por Mike Adams, com base em uma entrevista com o Dr. Michael Holick, autor do livro “The UV Advantage

quinta-feira, 30 de maio de 2013

COMO SE LIVRAR DA DEPRESSÃO!

COMO SE LIVRAR DA DEPRESSÃO E NÃO CAIR EM DESESPERO


Uma mulher que trabalhava num banco já há muitos anos, caiu em desespero.
Estava tão depressiva e prestes a ter um esgotamento nervoso.

Seu médico que buscava um diagnóstico, lhe perguntou :

... - Como se chama a jovem que trabalha ao seu lado no banco?
- Cíntia - respondeu ela, sem entender.
- Só Cíntia... - Cíntia do quê?
- Não sei.
- Sabe onde ela mora?
- Não.
- O que o marido dela faz?
- Não sei.
- Sabe se ela é casada?
- Também não sei.

O médico logo entendeu que o exclusivismo e principalmente o egoísmo estavam roubando a alegria daquela pobre jovem mulher.

- Posso ajudá-la, mas você tem que prometer que fará 3 coisas que vou te pedir.
- Farei qualquer coisa! Afirmou ela.
- Em primeiro lugar: faça amizade com Cíntia. - Convide-a para jantar em sua casa.
- Descubra o que ela está almejando na vida, e faça alguma coisa para ajudá-la.
- Em segundo lugar: faça amizade com o teu jornaleiro e a família dele, e descubra o que podes fazer para ajudá-los.
- Em terceiro, faça amizade com o zelador de teu prédio e descubra qual é o maior sonho da vida dele.
- Daqui a dois meses, volte para me ver. - Combinado?

Passado o tempo, ela não voltou, mas escreveu uma carta sem nenhum sinal de melancolia ou tristeza.

Era só alegria e agradecimento! Havia ajudado Cíntia a passar no vestibular.
Ajudou a cuidar de uma filha doente do jornaleiro.
E ainda estava ensinando o zelador a ler e escrever.
"Nunca imaginei que pudesse sentir tanta alegria desta maneira!", ainda escreveu ela.


"Os que vivem apenas só para si nunca encontrarão a paz e a alegria".
Pois somos chamados por Deus para sermos bênção na vida dos outros.

AS ESCOLHAS QUE FAZEMOS DITAM A VIDA QUE LEVAMOS.

quarta-feira, 29 de maio de 2013

SIMPATIA NÃO SE INVENTA; TEM-SE!

TEXTO PUBLICADO NA COLUNA RUBENS.MARKETING, NO JORNAL TRIBUNA DE SETE LAGOAS-MG


Simpatia não se inventa; tem-se

Tenho sempre almoçado no Restaurante do Trabalhador. É impressionante como o lugar é aprazível, com gente simples, simpática, sorridente e, principalmente, atenciosa. Parece que todos estão sempre dispostos a deixar à vontade os frequentadores. Muito bom gosto, além de uma comida gostosa e balanceada.

Dentro deste contexto, uma pessoa em especial chama a atenção de todos, pela sua simpatia, seu sorriso e seu alto astral o tempo todo. Trata-se da bela e encantadora jovem Luciana Vidal Maciel, a Lu, como é carinhosamente chamada pelos frequentadores.

A impressão que se tem no contato com esta garota é de que já a conhecemos desde sempre. Se tem problemas, deixa-os em casa e vai com o coração livre e desarmado para o trabalho, para a alegria de todos.

Dá prazer encontra-la. O resto dia fica festivo, agradável, harmonioso. Lu é uma daquelas pessoas que parecem ter vindo a esse mundo para fazer o bem, viver o bem, ser o bem.

Por isso, esta coluna se dispõe, nesta edição a dedicar todo o espaço a uma pessoa que, mesmo inadvertidamente, exerce como ninguém o marketing pessoal. Deixa o cliente à vontade e ainda oferece toda a distinção no trato com todos.

 
Aproveitando a homenagem sincera e de coração que a coluna faz à Lu, incluímos também seu companheiro de trabalho, Warley Silva, igualmente simples e simpático.

Estes dois estão no contato direto com os frequentadores, porém vale lembrar que, desde a aquisição do ticket à entrada até o momento de devolver o bandejão, simpatia e cordialidade é o que não falta àquele pessoal do Restaurante do Trabalhador. Pessoas de fino trato, que merecem muito mais que uma simples homenagem, de um simples colunista que apenas tem a facilidade de observar pessoas simples que fazem uma grande diferença.

Por essa razão é que tanta gente de bem, trabalhadores que impulsionam o progresso, estão diariamente tomando refeições no Restaurante do Trabalhador. Atender bem é obrigação, mas a cordialidade e a boa educação do pessoal daquela casa beira o exagero.

Parabéns a todos!

 

sexta-feira, 24 de maio de 2013

Desabafo...


Que saudade da Pindaíba do Norte calma, tranquila e SEGURA de pelo menos 15 anos atrás! Hoje muito se fala que Pindaíba do Norte está entre as cidades mais violentas e perigosas do Estado de Minas Gerais. Já ouvi pessoas próximas falarem que estava entre as três cidades mais perigosas do Estado. E recentemente, me disseram que já é a primeira em índices de violência! Meu Deus, aonde isso irá parar? É LAMENTÁVEL! Sempre ouvi dizer que para toda reação há uma ação anteriormente praticada. Para todo esse pano de fundo vivido nos dias de hoje, seria a omissão agregada ao descaso do Poder Público com a população, e em especial a periferia da cidade, pelo menos nos últimos 30 anos de administração, a real causa de toda essa onda de violência que aterroriza nossa cidade? Falam que Pindaíba do Norte cresceu, mas na verdade, ela inchou desordenadamente! Muitos loteamentos aprovados a deriva, sem o compromisso com as questões urbanísticas e de infraestrutura, sem serem observados os critérios e as medidas legais de avaliação. Houve um tempo em que milhares de terrenos/áreas institucionais foram doados para abrigar as pessoas em troca de VOTOS, assim como o Seu Zé atuou no Distrito Federal. E hoje, pesquise o caos e os índices de violência, principalmente nas periferias do DF. Carência e falta de amparo por parte do Poder Público, causa violência! Pois é! TAMBÉM A POLÍTICA ASSISTENCIALISTA! Tivemos durante mais de 20 anos um Seu Zé em Pindaíba do Norte,  um mandatário, um senhorzinho malta, um coronel que fez o que quis na cidade, que da cabeça dele mandou e desmandou, perseguiu e tocou o terror nessa cidade! A política do pé de frango, da dentadura, e de mais benéficas rolou solta. Será que ninguém lembra disso? Será que nenhum jornal ou meio de comunicação hoje da cidade, vendo toda essa desordem, esse caos quanto a SEGURANÇA PÚBLICA, principalmente o DESAMPARO com a PERIFERIA, será que nenhum tem culhão pra discutir essas coisas? Promover debates veementes pensando na real melhoria da cidade? Vemos só blá blá blá e puxação de saco de Prefeito A, do B, do C por boa parte dessa mesma mídia; e as melhorias gritantes que a cidade tanto precisa ficam pra depois, em outra hora! Até quando vamos tampar LITERALMENTE o sol com a peneira? Só lembrando, É O 
VOTO que coloca os nossos governantes no Poder! 
#PENSENISSO


quarta-feira, 22 de maio de 2013

Fantasmagorie

Criado em 1908 pelo francês Émile Cohl, Fantasmagorie e considerado o primeiro desenho animado da história. O curta dura um pouco mais que um minuto, tendo início com a própria mão do artista.

quarta-feira, 24 de abril de 2013

terça-feira, 23 de abril de 2013

ANÚNCIO DE NAMORO

UM JORNAL CEARENSE RECEBEU ESSE PEDIDO DE PUBLICAÇÃO DE ANUNCIO E, ACHANDO-O ENGRAÇADO, PEDIU AUTORIZAÇÃO PARA COLOCA-LO EM LOCAL DE DESTAQUE, SEM QUALQUER ACRESCIMO DE CUSTO. AFINAL, ERA CÔMICO. NÃO ESPERAVAM RESPOSTA. MAS HOUVE A RESPOSTA E, DA MESMA FORMA QUE O ANUNCIO INICIAL, RECEBEU LOCAL DE DESTAQUE EM SUA PUBLICAÇÃO DE ANÚNCIO PARA ARRUMAR NAMORADA.

Matéria publicada em um jornal de circulação diária do Estado do Ceará


Leia, na sequência, a resposta da pretendente). Homem descasado procura... Homem de 40 anos, que só gosta de mulher, após casamento de sete anos, mal sucedido afetivamente, vem através deste anúncio, procurar mulher que só goste de homem, para compromisso duradouro, desde que esta preencha certos requisitos: O PRETENDIDO exige que a PRETENDENTE tenha idade entre 28 e 40 anos, não descartando, evidentemente, aquelas de idade abaixo do limite inferior, descartando as acima do limite superior. Devem ter um grau razoável de escolaridade, para que não digam, na frente de estranhos: 'menas vezes', 'quando eu si casar', 'pobrema no úter', 'eu já si operei de apênis', 'é de grátis', 'vamo de a pé', 'adoro tar com você' e outras pérolas gramaticais. Os olhos podem ter qualquer cor, desde que sejam da mesma e olhem para uma só direção. Os dentes, além de extremamente brancos, todos os 32, devem permanecer na boca ao deitar e nunca dormirem mergulhados num copo d'água. Os seios devem ser firmes, do tamanho de um mamão papaia, cujos mamilos olhem sempre para o céu, quando muito para o purgatório, nunca para o inferno. Devem ter consistência tal que não escapem pelos dedos, como massa de pão. Por motivos óbvios, a boca e os lábios, devem ter consistência macia, não confundir com beiço. A barriga, se existir, muito pequena e discreta, e não um ponto de referência. O PRETENDIDO exige que a PRETENDENTE seja sexualmente normal, isto é, tenha orgasmos, se múltiplos melhor, mas mesmo que eventuais, quando acontecerem, que ela gema um pouco ou pisque os olhos, para que ele sinta-se sexualmente interessante. Independentemente da experiência sexual do PRETENDIDO, este exige que durante o ato sexual a PRETENDENTE não boceje, não ria, não fique vendo as horas no rádio relógio, n ão durma ou cochile. O PRETENDIDO exige que a PRETENDENTE não tenha feito nenhuma sessão de análise, o que poderia camuflar, por algum tempo, uma eventual esquizofrenia. A PRETENDENTE deverá ter um carro que ande, nem que seja uma Brasília, ou que tenha dinheiro para o táxi, uma vez que pela própria idade do PRETENDIDO, ele não tem mais paciência para levar namorada de madrugada para casa. Enviar cartas com foto recente, de corpo inteiro, frente e costas, da PRETENDENTE, para a redação deste jornal, para o codinome: 'CACHORRO MORDIDO DE COBRA TEM MEDO ATÉ DE BARBANTE'.


Resposta da Pretendente, publicada dias após, no mesmo periódico Cearense:


Prezado HOMEM DESCASADO...

Li seu anúncio no jornal e manifesto meu interesse em manter um compromisso duradouro com o senhor, desde que (é claro) o senhor também preencha outros 'certos' requisitos que consi dero básicos! Vale
lembrar que tais exigências se baseiam em conclusões tiradas acerca do comportamento masculino em diversas relações frustradas, que só não deixaram marcas profundas em minha personalidade, porque 'graças a Deus', fiz anos de terapia, o que infelizmente contraria uma de suas exigências! Quanto à idade convém ressaltar que espero que o senhor tenha a maturidade dos 40 anos e o vigor dos 28, e que seu grau de escolaridade supere a cultura que porventura tenha adquirido assistindo aos programas do 'Show do Milhão'...! Seus olhos podem ser de qualquer cor desde que vejam algo além de jogos de futebol e revistas de mulher pelada. E seus dentes devem sorrir mesmo quando lhe for solicitado que lave a louça ou arrume a cama. Não é necessário que seus músculos tenham sido esculpidos pelo halterofilismo, mas que seus braços sejam fortes o suficiente para carregar as compras. Quanto à boca, por motivos também óbvios, além de cumprir com eficiência as funções a que se destinam, as bocas no relacionamento de um casal devem servir, inclusive, para pronunciar palavras doces e gentis e não somente: 'PEGA MAIS UMA CERVEJA AÍ, MULHER!'. A barriga, que é quase certo que o senhor a tenha, é tolerável, desde que não atrapalhe para abaixar ao pegar as cuecas e meias que jamais deverão ficar no chão.
Quanto ao desempenho sexual espera-se que corresponda ao menos polidamente à 'performance' daquilo que o senhor 'diz que faz' aos seus amigos! E que durante o ato sexual, não precise levar para a cama livros do tipo: 'Manual do corpo humano' ou 'Mulher, esse ser estranho'! No que diz respeito ao ítem alimentação, cumpre estar atualizado com a lista dos melhores restaurantes, ser um bom conhecedor de vinhos e toda espécie de iguarias, além de bancar as contas, evidentemente. Em rel ação ao carro, tornam-se desnecessários os trajetos durante a madrugada, uma vez que, havendo correspondência nas exigências que por ora faço, pretendo mudar-me de mala e cuia para a sua casa .... meu amor!!!
ass: A COBRA .

quarta-feira, 10 de abril de 2013

Entrevista de emprego

Se a ideia pegar, vai ser bem legal!!!

Dicas para o PC


As Dicas Para o PC de hoje servem para: tablets, smartphones, notebooks, telas de LCD em geral.
Nos dias atuais as telas touch screen revolucionaram a maneira de nos divertir, comunicar, trabalhar e viver. Porém a sujeira acumulada na tela pelos nossos sais minerais se tornou um incomodo na limpeza.
Em consequência desse fato, podemos usar alguns recursos para essa limpeza.
Uma das melhores opções é o uso de uma flanela de microfibras, sua utilização não deixar resíduos na tela (leia o seu modo de usar antes). Outra opção é usar algodão levemente umedecido com água e passar na região da mancha, depois utilize um algodão seco para finalizar. Caso a mancha persista pingue em uma gota de detergente neutro em um algodão e passe sobre a área, depois passe um algodão levemente umedecido e por fim um algodão seco. Use o detergente somente para aquelas manchas mais difíceis de sair. Exemplo: restos de comida.

Caso você queira usar produtos específicos pode comprar esse quite em uma eletrônica perto de sua casa.
Nota¹: quando for limpar seu dispositivo com água sempre desligue o mesmo.
Nota²: Caso tenha um smartphone você pode optar por uma película protetora de tela.
Nota³: a flanela de microfibras serve também para limpeza de óculos, janelas e vidros em geral.